Wednesday, December 15, 2010

Cartas do Anónimo

Prometo ser breve no que diz respeito ao Natal. Com esta carta despacho já parte da quadra (fica só a faltar o fim de ano).
Para mim, este Natal vai ser um Natal insípido. Com o açúcar racionado, há sérias ameaças de virmos a comer sonhos tornados em pesadelos e fatias douradas a latão. Eu, pessoalmente, sou doido por baba de camelo. Ora, mesmo que o açúcar esgote, o meu doce não vai sofrer qualquer tipo de adulteração. O problema é que raras são as famílias que apostam na baba como doce natalício. Aumento dos impostos, redução do espectro de medicamentos comparticipados, encerramento de escolas, congelamento de progressão na carreira, e ainda por cima querem-nos tirar o açúcar?! Não sei se acredito no Pai Natal...

Ramones, I Wanna Be Sedated

No comments: