Wednesday, February 11, 2009

Guest Box

O espaço que se segue é da inteira responsabilidade do Anónimo:


A viajem continua. Do aeroporto à cidade ainda vão alguns quilómetros. Head-phones devidamente ajeitados, som meio forte, cachecol enrolado ao pescoço e uma banda sonora embriagante. Depois de um pequeno-almoço à base de croissants e ovos mexidos, olho de forma desatenta o mapa que obtive na recepção do hotel. Está frio mas o céu brilha limpo. Desta vez quero ver apenas pormenores da vida dos que fazem histórias. A rua, cheia de gente curiosa, exibe os seus contornos românticos, chiques e um tanto exuberantes. A língua falada é elegante, as pessoas charmosas e os perfumes intensos. Não paro sequer para almoçar. A vontade de absorver a beleza da cidade é devoradora. Os olhares cruzam-se e eu agradeço o momento de comunhão. De pernas cansadas, banda sonora e emoções cheias, volto para o hotel. Abro a porta do 584, consciente de que viver é o sentimento mais emocionante. Janto pouco, fumo um cigarro e deito-me, ao lado da minha banda sonora e penso…
Anónimo, Paris 19 de Janeiro de 2009

College feat. Minitel Rose, The Energy Story

3 comments:

Leididi said...

Ó anónimo, isso é que foi inspiração poética, hein?Seu pirosão :p

ANÓNIMO said...

Quando tem que ser, um homem tambem chora (especialmente se puser tabasco a mais :)

Anonymous said...

Podes crer...ganda pirosão!! adorei...bjs da sobrinha.