Wednesday, July 25, 2012

Milhões de Festa

Este ano resolvemos voltar ao Minho mas trocar de destino. Em vez de Paredes de Coura, Barcelos. E sabem que mais? Não estamos nada arrependidos. A cidade está bonita, come-se bem e tem menos gente que qualquer outro festival no país. Estou, aliás, eternamente agradecido, por ter deixado a capital e ir à procura de outro sítio para ver e ouvir novos projectos. Sagrada a hora em que chegamos ao Milhões!.. Para evitar despejar todo o cartaz, queria apenas sublinhar os três concertos que reuniram o nosso total consenso: Connan Mockasin, Alt-J e Publicist. Foram três concertos inolvidáveis, cada um deles pela sua razão. E como não gosto muito de escrever crónicas sobre concertos, por achar que qualquer relato fica a léguas de distância do que realmente ali se passou; 1)suspeito que a actuação do neo-zelandês Connan possa vir a ser talvez um dos concertos da minha vida. Afinal, contra a forte tendência do desassossego e da euforia intrépida colectiva dominante nos festivais, também se curte sentado... 2)Alt-J foi soberbo, mas a ansiedade de captar os sons das músicas, as movimentações da banda e o alinhamento era de tal ordem extenuante que, apesar de terem tocado o disco inteiro, o concerto passou num ápice. Queremos, exigimos repetição! 3)E o Sr.Publicist merece uma menção de honra. Primeiro porque deu um brutal concerto de bateria ao lado dos espectadores, sem manhas nem manias. Segundo porque soube alentar os ânimos da festa. E terceiro porque, apesar de já não ser um jovem, soube gerir muitíssimo bem o esforço físico. Resta-nos rezar para que para o próximo ano o Milhões de Festa realize a sua sexta edição com surpresas tão agradáveis como as deste ano.

No comments: