Wednesday, June 29, 2011

Cartas do Anónimo


Meio sentado, meio deitado, com a minha perna mais fraca cruzada sobre a outra, vou lendo o livro que se narra a si mesmo. Tenho os cortinados todos abertos e lá fora estão 26 graus. Mais um hotel. Este é bom. Confortável e espaçoso. Aproveito o reflexo do sol que agride a superfície espelhada do edifício mais alto em nosso redor. 48 andares de massa, de vidro e metal. Mais um centro financeiro. Riqueza acumulada por distribuir, enclausurada numa gaiola gigante acente no paradigma da tensão pós-milénio: o dinheiro; que uns dizem que pode dar felicidade. Outros apregoam a sua quase totsl inutilidade. Talvez seja essa a grande diferença entre os pautados e os existencialistas.

Cold War Kids, Mine Is Yours (Passion Pit Remix)

No comments: