Wednesday, April 14, 2010

Cartas do Anónimo

I have a dream- diz-me o papel ao lado da mesa (supostamente de cabeceira) quando acordo ainda com o sabor dos cigarros da noite anterior. Ando para trás e tento-me lembrar daquilo com que sonhei. Enquanto o pensamento vai e não volta sou eu que volto a queixar-me do mesmo. Da minha memória de alforreca (o melhor é candidatar-me para cobaia num simpósio de técnicas avançadas de electroencefalografia)! Tinha qualquer coisa para escrever. Mas já não me lembro sobre o que era. Não faz mal. Fica para depois. Quem sabe se no meio de fantasias e desejos não aparece a chave do euro-milhões! Isto se partirmos do princípio que os sonhos são uma continuação da realidade.


Zola Jesus, I Can't Stand

2 comments:

Dylan said...

Pensei que fosse alguma música do Jesus do Glorioso...

Blogue interessante para quem adora musica. Parabéns!

ANÓNIMO said...

Thanks Bob!