Wednesday, February 3, 2010

Cartas do Anónimo


Agora, melhor que até agora, percebo porque temos que mudar. Aceito quem fala na vida depois da morte. No desprendimento duma parte da nossa existência, do nosso ser que já não queremos mais. Para renascer. Melhor, ou só diferente. Porque nos pedimos a nós mesmos que queremos ser outra coisa. Precisamos de deixar morrer uma parte nossa que não nos deixa continuar a ser tudo. Hoje vi uma luz estranha no espelho da vida. Corei de vergonha por não saber bem o que vi. Mas suspirei de paz quando interiorizei que essa luz vinha dos meus olhos perdidos na esperança…


Lake Heartbeat, Let It Die

1 comment:

Mariana said...

tu és a luz e a esperança supera-se pela alegria dos teus olhos. vivendo e deixando morrer, it's all part of the process.