Saturday, May 30, 2009

Guest Box

O espaço que se segue é da inteira responsabilidade de Leididi


E pronto, é o fim. Vou ficar conhecida como a pirosona do Xuke. Primeiro brindei os estimáveis leitores com o Don’t Cry dos Guns n’ Roses, que ninguém ouve desde 1992, e agora este All Night Long do não menos piroso Lionel Richie.

Mas a verdade é que esta música tem um groove que entra nos ossinhos e nos músculos de tal maneira que é impossível não dançar. Primeiro uma perna, depois a outra, as ancas de um lado para outro, num meneio mais ou menos sensual, e quando damos por isso já estamos a estalar os dedinhos, de braços no ar e sorriso arreganhado. E dá para dançar juntinho, o que também é bastante simpático, assim ao estilo lambada (mas em lento) com dirty dancing. E dá para cantar o refrão aos altos berros, com um braço espetado no ar a sublinhar cada palavra: All- Night- Looong, com um sorriso de satisfação de quem pensa «é isso mesmo, a noite todaaaa!», mesmo que depois não seja e às três da manhã já só se pense em voltar para casa antes que o parafuso da perna caia ou que todo o ar do mundo já não chegue para encher o par de pulmões.

All Night Long é bom que se farta e quem diz o contrário é um chumaço do casaco do Lionel.

Lionel Richie, All Night Long (All Night)

2 comments:

penim said...

alguém falou em lambada?

Mariana said...

Que boas recordações de long nights, all night!